O concurso internacional para reforço da frota da CP será lançado lançado até Abril, como o previsto e anunciado em Novembro, confirmou hoje o Ministério do Planeamento e das Infraestruturas.

O gabinete de Pedro Marques indicou que se mantém previsto o lançamento no primeiro trimestre deste ano, como anunciado no debate do Orçamento de Estado, enquanto a CP respondeu à “Lusa” que o “processo está em preparação, conforme já anunciado pela CP e pela tutela”.

Esta semana, a espanhola Talgo anunciou que pretende concorrer ao concurso, numa visita que um grupo de
jornalistas portugueses fez, a convite da empresa, à fábrica nos arredores de Madrid.

O responsável pelo Desenvolvimento de Negócios para a América Latina e Portugal da Talgo, João Constantino Meireles, assegurou que já há “consultas” e “conversas” para saber que tipo de comboios a CP e o Governo português pretendem comprar.

O Governo anunciou que serão feitos grandes investimentos na ferrovia, nomeadamente em infra-estruturas (linhas) e em material circulante (comboios).

Numa audição na Assembleia da República no início de Novembro último, o ministro do Planeamento e das Infraestruturas, Pedro Marques, acerca do Orçamento do Estado para 2018 (OE2018), destacou vários investimentos previstos para a ferrovia, na qual o Executivo espera investir cerca de 360 milhões de euros.

O responsável governamental avançou então que em 2018 “será acelerado” o programa de modernização do material circulante da CP, com uma intervenção em 35 unidades, e iniciado o programa de aquisição de novo material .

Tags:

Comments are closed.