No primeiro semestre, o porto de Aveiro movimentou 2,1 milhões de toneladas, menos 13,7% que o valor recorde atingido na primeira metade de 2015.

Prio - Aveiro

Recorde foi também a movimentação de granéis líquidos, entre Janeiro e Junho, com um total de 585 mil toneladas, representando uma subida homóloga de 21%. (Recorde-se que ainda há poucos dias a Prio anunciou um investimento de milhões de euros no aumento da capacidade instalada no porto aveirense.)

Os granéis sólidos continuaram a ser a principal carga processada em Aveiro. Mas ficaram-se, no final de Junho, pelas 874 mil toneladas. Menos 17,3% que o registado há um ano.

Na carga geral fraccionada contabilizaram-se 651 mil toneladas, o que representa uma quebra homóloga de 28%.

No primeiro semestre, o porto de Aveiro foi demandado por 490 navios. Foram menos que há um ano (533) mas maiores em arqueação bruta (mais 9% em média) e em comprimento (mais 2%), resultado da melhoria das acessibilidades marítimas.

2015 foi o melhor ano da história do porto de Aveiro,com um total de 4,7 milhões de toneladas.

Comments are closed.