A holandesa GVT Intermodal e a chinesa Hunan Xiangou Express Co testarão a partir de quinta-feira um novo serviço ferroviário de mercadorias entre Changsha e Tilburg.

O serviço-piloto partirá a 16 de Agosto da cidade chinesa, devendo chegar à Holanda 17 dias depois, ao cabo de 12 912 quilómetros. Se o teste for bem-sucedido, Tilburg passará a receber um comboio semanal proveniente de Changsha, com partidas às quintas-feiras.

Em 2016, a GVT lançou, em parceria com a CDIRS, o Chengdu Tilburg Express, que cobre 11 mil quilómetros em 11 dias, transportando 41 contentores em cada viagem. Actualmente realiza três viagens semanais, com saídas da China às segundas, quartas e sextas-feiras.

“Ao contrário do Chengdu Tilburg Express, este comboio [o Tilburg-Changsha] pode ter uma capacidade maior, de 50 contentores”, afirmou, citado em comunicado, Jialu Zhang, da GVT Intermodal.

A Hunan Xiangou Express Co já tem ligação entre a província de Hunan e Duisburgo.

Os comboios de mercadorias entre a China e a Europa Ocidental oferecem tempos de trânsito substancialmente inferiores aos do transporte marítimo a preços mais competitivos que os da via aérea. Além disso, são mais ecológicos, sustentam os seus promotores.

 

 

Os comentários estão encerrados.