O porto Hamburgo será o novo hub transatlântico da THE Alliance, naquela que é uma grande vitória sobre o rival nacional Bremerhaven. Em causa está a movimentação anual de cerca de 500 mil TEU.

THE Alliance troca Bremerhaven por Hamburgo

A Hapag-Lloyd, o maior membro da THE Alliance, avança, numa nota enviada a clientes, que a transferência de serviço, prevista para o último trimestre de 2018, proporcionaria melhores ligações ao hinterland e ao forte mercado local da região da cidade de Hamburgo.

A Alphaliner avisa que a mudança planeada terá um “grande impacto” no terminal Eurogate de Bremerhaven, onde acontecem actualmente as quatro rotações transatlânticas da THE Alliance. Desde a consultora contabilizam que os 500 mil TEU representam cerca de 9% da produção anual do porto e possivelmente perto de metade do volume do Eurogate Bremerhaven, excluindo os terminais NTB e MSC Gate, onde a Eurogate também está envolvida.

Historicamente, Bremerhaven tem sido considerado a principal porta de entrada dos EUA a partir da Alemanha, enquanto Hamburgo é mais conhecido pelas suas conexões asiáticas.

“Tal reposicionamento de grande escala exigirá grandes mudanças nas ligações de há muito entre o hinterland e os grandes carregadores, incluindo o reencaminhamento de comboios-bloco e cadeias de abastecimento industriais com horários apertados”, refere o relatório semanal da Alphaliner.

 

Comments are closed.