A Hapag-Lloyd, membro da THE Alliance, acordou com a Maersk e a MSC, que formam a 2M, a compra de capacidade no Ásia-Europa.

O acordo começará a ter efeitos a partir de Março. A Hapag-Lloyd promete para as próximas semanas mais pormenores sobre a oferta reforçada.

“A soma desses serviços permitirá à Hapag-Lloyd oferecer uma frequência ainda maior de partidas semanais e mais opções de rota, além de escalar directamente mais portos com elevada fiabilidade horária”, salienta o comunicado da companhia alemã.

O anúncio do acordo com a aliança rival 2M surge pouco depois de a THE Alliance, participada pela Hapag-Lloyd, ter comunicado o reforço da oferta de serviços em 2020. Facto é que de momento a THE Alliance é quem tem menos mega-porta-contentores, de 18 mil TEU ou mais, especialmente vocacionados para os tráfegos entre a Ásia e o Norte da Europa. Em particular, a Hapag-Lloyd só dispõe dos navios que eram da UASC.

No início do mês, a companhia alemã revelou que está a considerar investir em novos navios. É provável que as encomendas sejam direccionadas para mega-navios com capacidade até 23 mil TEU.

Comments are closed.