A pensar nos tráfegos da América do Sul, em especial depois do alargamento do Canal do Panamá, a Hapag-Lloyd acaba de encomendar cinco navios de 10 500 TEU.

Hapag-Lloyd

A encomenda – cujo valor não foi divulgado – foi colocada junto do estaleiros sul-coreanos da Hyundai Samho Heavy Industries. As entregas deverão acontecer entre Outubro de 2016 e Maio de 2017.

Os novos navios terão uma capacidade nominal de 10 500 TEU, incluindo 2 100 ligações para contentores refrigerados. Essenciais para o transporte das frutas, vegetais, carne e peixe que constituem uma parte substancial das cargas sul-americanas

Com esta encomenda, a Hapag-Lloyd assume querer manter a posição de referência nos tráfegos da América Latina, mormente depois da ampliação do Canal do Panamá, que deixará passar navios de até 14 000 TEU.

A Hapag-Lloyd concluiu recentemente a fusão com a CSAV e a integração do negócio de contentores da CCNI, com isso reforçando significativamente a sua exposição ao mercado sul-americano.

Os comentários estão encerrados.