A HMM estará a negociar com a BlackRock, gestora norte-americana de activos,  um investimento de até um bilião de wons sul-coreanos (745,4 milhões de euros).

HMM

A notícia é avançada pela imprensa local, citando fontes não identificadas da companhia e dos mercados financeiros. “Conversámos com a BlackRock, mas nada foi definido ainda”, afirmou, citado pelo “Splash”, fonte da HMM. Já do lado da BlackRock, a “Reuters” indicou não ter conseguido obter posição sobre o tema.

A BlackRock é apontada como a maior gestora de activos do mundo. Entre as suas múltiplas participações contam-se, por exemplo, a IAG e a AENA.

A HMM, o 14.º maior transportador marítimo de contentores do mundo, passou por uma reestruturação profunda no ano passado, após a declaração de falência da Hanjin Shipping. Na altura, o governo de Seul injectou na companhia 1,5 biliões de wons (1,12 mil milhões de euros).

A HMM anunciou, entretanto, planos de expansão para subir no ranking mundial, para os quais foram necessidades de investimento de dez biliões de wons (7,45 mil milhões de euros), na compra de navios e de contentores.

A HMM registou uma perda operacional de 128 mil milhões de wons (95,4 milhões de euros) no segundo trimestre de 2017, apesar de as receitas terem aumentado 22,1,% para 1,24 biliões (924,3 milhões de euros).

 

 

 

Comments are closed.