A braços com fortes dívidas, a chinesa HNA, ex-accionista da TAP, estará a acelerar o processo de procura de compradores da participação que detém na Swissport.

A imprensa internacional aponta vários potenciais interessados no capital da companhia de handling aeroportuário, com fundos como os americanos Apollo Global Management e Cerebrus ou o canadiano Brookfield a surgirem como estando a analisar uma eventual operação de compra e venda. As também americanas Brain Capital e Centerbrige Partners também estarão a avaliar entrar no capital da Swissport.

A HNA espera obter 2,3 mil milhões de dólares (2,1 mil milhões de euros) com a venda. No entanto, os potenciais interessados não estarão dispostos a ir além de dois mil milhões de dólares (1,8 mil milhões de euros).

Em 2016, o grupo chinês pagou 2,8 mil milhões de dólares (2,5 mil milhões de euros) à PAI Partners, para comprar 100% da Swissport. Desde 2018 que a HNA tenta alienar pelo menos parte da companhia.

 

 

Tags:

Leave a comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*