O grupo IAG movimentou 531 milhões de toneladas em Novembro, mais 9,7% do que no mesmo período do ano passado. No acumulado de 2017, o crescimento foi de 6,1%, para 5 278 milhões de toneladas.

IAG Cargo - Iberia

 

A carga aérea cresceu em todas as companhias que integram o grupo, ou seja, British Airways, Iberia e Aer Lingus, sendo que a Vueling não opera nesse mercado.

A British Airways contribuiu, em Novembro, com o maior volume de mercadorias do grupo, com 412 milhões de toneladas, o que representa um aumento de 9,9% em relação ao mesmo mês de 2016. No acumulado do ano, o tráfego da companhia aérea britânica cresceu 6, 7%, para 4 129 milhões de toneladas movimentadas.

No que se refere à Iberia, os volumes de carga aérea aumentaram 5,2% em Novembro, para 102 milhões de toneladas. Entre Janeiro e Novembro, os 1 008 milhões de toneladas representam uma subida de 1,7% face ao período homólogo de 2016.

O crescimento proporcional mais forte da IAG Cargo coube à Aer Lingus. A companhia irlandesa transportou 17 milhões de toneladas em Novembro, mais 41,7% do que no mesmo mês de 2016, e 141 milhões no acumulado de 2017 até Novembro, um incremento de 22,6% em relação ao mesmo período do ano passado.

 

 

 

Tags:

Comments are closed.