A ICTSI vai expandir o terminal de Rijeka (Croácia), que assim será o primeiro no Adriático Norte a poder receber navios de 20 mil TEU.

ICTSI cria o primeiro terminal do Adriático Norte capaz de operar navios de 20 mil TEU

Os planos da ICTSI para a expansão do porto de Rijeka contemplam a realização de dragagens, para acomodar os navios de maior calado. Numa primeira fase, será feita a dragagem ao longo de 130 metros de linha de cais.

Os trabalhos deverão estar concluídos em meados de 2020, altura em que o terminal oferecerá 438 metros de cais de atracagem com fundos de -15 metros. O que permitirá a operação de navios com um comprimento total de até 400 metros.

Numa segunda fase, prevê-se o aumento dos fundos até aos -16,5 metros.

No que toca a equipamentos, serão adicionados ao terminal do Adriático novos pórticos de cais Super Pós-Panamax com um alcance de, pelo menos, 24 filas de contentores e novos RTG.

Expansão intermodal

“Decidimos fazer isto num contexto de procura estável, mas, mais importante, para acompanhar o ritmo das exigências dos nossos clientes, tanto em termos de dimensão dos navios como de aumento da actividade ferroviária intermodal”, explicou, citado em comunicado, o CEO da AGCT (Adriatic Gate Container Terminal, filial da ICTSI), Wojciech Szymulewicz.

“A expansão da capacidade também proporcionará um aumento geral nos níveis de eficiência no terminal, aproveitando os pontos fortes que já estabelecemos em termos de tempo de resposta a embarcações e camiões, bem como a conectividade ferroviária intermodal”, acrescenta o executivo da empresa do grupo ICTSI.

A AGCT também está a melhorar o terminal ferroviário das instalações para oferecer uma capacidade anual de 360 mil TEU por ano. O terminal ferroviário actualizado contará com dois novos pórticos montados sobre trilhos (RMG) em quatro linhas ferroviárias. Esta actualização será concluída no último trimestre de 2019.

 

 

Comments are closed.