A Organização Marítima Internacional (IMO na sigla em inglês) defende um período transitório de três meses para a plena aplicação das novas regras da Convenção Solas sobre a pesagem dos contentores.

Pesagem de contentores

O Comité de Segurança Marítima da IMO acaba de emitir uma comunicação em que defende “uma abordagem prática e pragmática” das autoridades marítimas e portuárias na imposição das novas regras, a partir de 1 de Junho e por um período de três meses.

Não está em causa o adiamento da entrada em vigor das novas regras, mas antes é defendido um período de transição para que todos os envolvidos possam refinar os procedimento e corrigir eventuais falhas, por exemplo, nos sistemas informáticos de recolha e transmissão de dados. Assim se evitando atrasos na cadeia logística.

A abordagem “prática e pragmática” das autoridades será necessária, por exemplo, para lidar com os casos de contentores que sejam embarcados antes do 1 de Junho (e, logo, não estejam obrigados à pesagem prévia) mas acabem baldeados num porto de transhipment depois daquela data.

A pouco mais de um mês da entrada em vigor das novas regras são inúmeras as dúvidas sobre como se processarão as coisas um pouco por todo o mundo.

Por cá, e apesar de o IMT já ter difundido informação sobre a pesagem dos contentores, continua-se à espera da publicação da legislação necessária.

Comments are closed.