O lançamento do iPad 3 fez disparar os fretes de exportação na R.P. China, com muitos carregadores a sentirem grandes dificuldades para garantirem o espaço para as suas encomendas.

Os fretes marítimos terão aumentado cerca de 20% no espaço de uma semana, reporta o “IFW”, à medida que se propagou o rumor de que a Apple estaria a transportar quantidades massivas do novo iPad, das fábricas chinesas para os EUA.

A procura do transporte marítimo aumentou drasticamente, uma vez que a Apple terá estado no mercado a comprar “toda” a capacidade disponível para escoar, via aérea, o seu mais recente “gadget”. As companhias aéreas – casos da DHL e da BAWC – estarão “sem mãos a medir” para satisfazer todos os envios da Apple.

O novo iPad 3 é hoje apresentado mundialmente. A manter-se a tendência dos últimos lançamentos, logo nos primeiros dias de comercialização deverão ser vendidos centenas de milhar, ou mesmo milhões de exemplares.

Entretanto, alguns transportadores já estão de olhos postos no próximo lançamento da Apple: o iPhone 5, diz-se, deverá chegar em Agosto.

Comments are closed.