A União Internacional dos Transportes Rodoviários (IRU) instou a Comissão Europeia a simplificar e melhorar a aplicação das normas existentes, ao invés de adicionar novas regras, no novo pacote legislativo rodoviário no espaço europeu, que Bruxelas prevê publicar no fim de Maio.

Portagens - Reino Unido

“Qualquer nova regulamentação não deve sufocar a vitalidade da economia europeia. Devemos ter um conjunto claro de regras que se apliquem em toda a União Europeia para assegurar uma concorrência leal e maximizar a eficiência das operações para o benefício de todos os europeus”, refere, citado em comunicado, o responsável pela IRU, Matthias Medge.

A IRU defende a existência de um sistema interoperável usado em toda a União Europeia para a tarifação rodoviária. Ter sistemas de portagem diferentes “não é prático, sustentável ou eficiente”, de acordo com a associação.

A entidade defende ainda que deve haver igualdade de condições entre os utilizadores e os modos, sem encargos adicionais, taxas ou impostos “a menos que possa ser demonstrado que os utilizadores não pagam o suficiente”.

 

 

Comments are closed.