O Fórum Internacional dos Transportes (ITF) da OCDE anunciou que vai avaliar  a fiabilidade horária das companhias de transporte marítimo de contentores.

A análise será realizada no âmbito de um novo relatório sobre o impacto das alianças de armadores na cadeia de abastecimento, anunciou a organização presidida pelo português José Manuel Viegas.

Os carregadores têm mostrado crescente preocupação, ao longo dos últimos meses, com a baixa pontualidade dos serviços de transporte marítimo de contentores. A fiabilidade horária global caiu 8,4 pontos percentuais para 74,5% em 2017, abaixo dos 82,9% de 2016.

A tendência de deterioração parece estar a continuar no ano em curso. De acordo com um relatório da SeaIntel, o desempenho das companhias atingiu novos mínimos nos primeiros três meses de 2018, com a pontualidade global a baixar seis pontos percentuais face ao período homólogo de 2017 e 8,4 pontos percentuais em comparação com o último trimestre do ano passado.

 

 

 

Os comentários estão encerrados.