Jeff Bezos, fundador e CEO da Amazon,  é um dos investidores na Beacon, transitário digital criado no Reino Unido por ex-executivos da Uber.

A Beacon, com sede em Londres, anunciou ter arrecadado mais de 15 milhões de dólares (13,37 milhões de euros) numa ronda de captação de investimentos de Série A. Além de Jeff Bezos, também a capital de risco norte-americana 8VC está na lista de investidores do transitário digital. “A Beacon atraiu investimentos de algumas das melhores mentes em negócios e tecnologia”, referiu o CEO da companhia.

“O modelo tradicional dos transitários permanece surpreendentemente analógico, usando sistemas e processos que são lentos e ineficientes, com preços opacos e uso limitado de tecnologia”, comentou Fraser Robinson.

“Os sectores de  transporte de mercadorias e de financiamento da cadeia de abastecimento representam um bilião [891,5 mil milhões de euros] e 12 biliões de dólares [10,7 biliões de euros] por ano, respectivamente, com o primeiro a ser ainda um mercado altamente fragmentado, no qual os dez principais transitários controlam apenas 43%. Muitos dos operadores logísticos demoraram a digitalizar e, com menos de 30% dos carregadores satisfeitos com o serviço ao cliente que recebem, o sector está propenso a disrupções”, refere a Beacon, em comunicado.

A Beacon oferece uma gama completa de serviços, incluindo o transporte global marítimo, aéreo e rodoviário, além de financiamento de cadeias de abastecimento, tudo acessível a partir de uma única plataforma. A companhia utiliza tecnologia de inteligência artificial, pesquisa, optimização, ciência de dados, cloud e automatização para desbloquear eficiências operacionais. A plataforma combina uma visão em tempo real da entrega global de mercadorias e uma visão de mercado dos custos e preços globais do transporte de mercadorias, tudo alimentado por  learning machine que optimiza rotas e processos.

Este transitário digital foi fundado em 2018 pelo CEO, Fraser Robinson, e pelo COO, Dmitri Izmailov, ambos ex-Uber, e CTO, Pierre Martin, que passou pela Amazon.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Comments are closed.