Depois da interrupção de 2013, o movimento de contentores em Leixões voltou, em 2014, aos recordes com um total de 659 050 TEU movimentados, anunciou a TCL.

O resultado do ano findo representa um crescimento de 6,1% face a 2013 e supera em 4,7% o anterior máximo de mais de 629 mil TEU, realizado precisamente em 2012.

A APDL e a concessionária do terminal de contentores nem esperaram pelo final do ano para comemorar o recorde (em meados de Dezembro assinalaram os 650 mil TEU). E o facto é que nem a quebra homóloga de 13,3%, verificada em Dezembro, na movimentação de contentores impediu o novo máximo histórico.

A TCL e a APDL continuam a negociar os termos da expansão do terminal de contentores Sul (que deverá “mexer” também nos equipamentos de movimentação de contentores no terminal Norte). O investimento deverá ser candidatado, em Fevereiro, aos fundos comunitários da CEF.

Aquando da comemoração dos 650 mil TEU, Lopo Feijó, administrador da TCL, sublinhou ao TRANSPORTES & NEGÓCIOS que a expansão é imprescindível porque a falta de espaço tem obrigado a utilizar o terminal miultiusos e a antiga portaria do terminal para depositar contentores. Além de o terminal estar a trabalhar 124/24 horas, sublinhou.

Tags:

Os comentários estão encerrados.