Lisboa é uma das três cidades finalistas do Prémio da Semana Europeia da Mobilidade de 2016. As outras finalistas são Malmö (Suécia) e Skopje (Macedónia). A Comissão Europeia anunciará o vencedor a 20 de Março.

Lisboa - Mobilidade

As três cidades finalistas do Prémio da Semana Europeia da Mobilidade de 2016 foram seleccionadas entre uma shortlist de dez candidatos que incluía, também, Bialystok (Polónia), Krusevac (Sérvia), Palma (Espanha), Praga (República Checa), Samos (Grécia), Sófia (Bulgária) e Valência (Espanha).

Candidataram-se ao Prémio 63 cidades, de 23 países. A selecção coube a um painel de especialistas independentes.

Segundo a Comissão Europeia, Lisboa é candidata ao Prémio da Semana Europeia da Mobilidade pela abertura dos seus espaços públicos aos peões. Malmö foi escolhida para finalista pela aposta em bicicletas como meio de transporte sustentável e Skopje por ter um sistema de partilha de viaturas que ajuda a população a poupar dinheiro e a proteger o ambiente.

A cidade vencedora do ano passado foi Múrcia (Espanha).

A 15.ª Semana Europeia da Mobilidade realizou-se entre 16 e 22 de Setembro e envolveu 2 427 localidades – um recorde absoluto.

Distribuição urbana e mobilidade

No dia 20 de Março será também será anunciada a cidade vencedora do quinto Prémio do Planeamento da Mobilidade Urbana Sustentável (SUMP). São finalistas Bruxelas (pelos sistemas logísticos inovadores), Budapeste (integração da distribuição de mercadorias na estratégia global de mobilidade) e Estocolmo (estratégia de estímulo da economia local, limitando o impacto adverso da distribuição urbana).

O júri reconheceu também a qualidade das candidaturas das cidades de Berlim, Nápoles, Piatra Neamt (Roménia) e Roterdão.

Malmö venceu a quarta edição do prémio SUMP.

 

 

Comments are closed.