Dentro de um mês, um Bombardier CRJ-200 cargueiro ligará diariamente, ou quase, o Continente e a Madeira. Uma novidade, iniciativa de uma start-up, a madeirense FlyMii.

Bombardier CRJ-200

O projecto, de que o presidente do governo madeirense já falara há uns tempos, foi agora apresentado pelos responsáveis da companhia aérea e da dinamarquesa Blackbird Air Charter, dona do avião.

O Bombardier CRJ-200 tem uma capacidade de transporte de carga de 50 metros cúbicos ou 6,5 toneladas. Pode parecer pouco mas é o suficiente para encaminhar o correio e os jornais, diariamente, do Continente para a região autónoma e, na inversa, para transportar as frutas, vegetais e pescado da Madeira para a capital, ou mais além.

Precisamente, Miguel Albuquerque, presidente do governo regional, destacou a mais-valia que representa a possibilidade de colocação no destino, no próprio dia, dos produtos agrícolas regionais.

O voo acontecerá cinco dias por semana (entre terça-feira e sábado), com partidas de Lisboa às 6h30, chegada ao Funchal às 8 horas e regresso de imediato.

O lançamento do novo serviço representa um investimento de um milhão de euros da FlyMii. O contrato de aluguer do avião tem uma duração de três anos.

Promotores e dirigente regional garantem que não há dinheiros públicos envolvidos no financiamento do negócio.

 

Os comentários estão encerrados.