Um fim de ano em força permitiu ao porto de Lisboa terminar 2010 com um saldo positivo relativamente a 2009, mas ainda abaixo dos números de 2008.

No ano passado, o porto da capital movimentou 12 milhões de toneladas, um valor que supera os 11,7 milhões de toneladas de 2009 mas fica longe dos quase 13 milhões (12,98 milhões) de há dois anos.

Mas Lisboa terminou o ano muito forte (em Dezembro cresceu quase 10% em termos homólogos, tendo superado o milhão de toneladas), o que deixa em aberto a continuação da recuperação no ano corrente.

Em 2010, foram os granéis sólidos e a carga contentorizada a puxar pelos números de Lisboa. Os granéis sólidos avançaram 6,2% para os 4,7 milhões de toneladas e a carga geral contentorizada cresceu 3,4% para perto dos 5,2 milhões de toneladas, confirmando-se como o principal agregado.

Ao invés, os granéis líquidos regrediram 4,5% para os 1,8 milhões de toneladas e a carga geral fraccionada cedeu 3,6% até cerca das 287 mil toneladas.

Comments are closed.