Por causa da proibição dos voos nocturnos, a Lufthansa Cargo decidiu “congelar” o previsto investimento no novo centro de carga na sua base em Frankfurt.

O investimento anunciado ascendia a mil milhões de euros. Para além do novo centro logístico, previa-se a construção de um novo edifício administrativo.

A concretização do projecto fica agora dependente da decisão do tribunal de Leipzig sobre a interdição dos voos nocturnos imposta pelo tribunal regional de Hesse.

A Lufthansa Cargo (e todas as companhias, de resto) está impedida de aterrar/descolar no aeroporto de Frankfurt entre as 23 horas e as 5 horas. A decisão afecta cerca de 30% dois voos da Lufthansa Cargo à partida de Frankfurt, o que obriga a companhia a reestruturar 80% dos serviços.

No imediato, várias ligações foram pura e simplesmente anuladas, outras foram antecipadas e outras ainda passaram a fazer paragens forçadas noutros aeroportos para “queimarem” tempo antes de seguirem a Ásia.

Caso a interdição seja permanente, a Lufthansa Cargo poderá incorrer em prejuízos de entre 30 milhões e 50 milhões de euros, segundo vários analistas

A companhia germânica mantém a intenção de investir na melhoria das suas instalações na Cargo City de Frankfurt, mas a dimensão final do projecto está agora dependente da decisão do tribunal de apelo de Leipzig.

Comments are closed.