A britânica Beacon Hill Resources vai utilizar a linha ferroviária do Sena para escoar o carvão de Moatize, a partir de Abril.

A companhia anunciou ter chegado a acordo com a Portos e Caminhos de Ferro de Moçambique (CFM) para o transporte anual de 500 mil toneladas de carvão até ao porto da Beira.

A Beacon Hill é concessionária de um bloco carbonífero na província de Tete. Até à data, o carvão extraído tem sido transportado por estrada até ao porto da Beira. A produção anual deverá elevar-se aos 1,8 milhões de toneladas/ano

A partir de Abril, a Minas Moatize, subsidiária local da Beacon Hill, operará na linha do Sena com dois comboios com duas locomotivas e 42 vagões de 63 toneladas cada.

O acordo provisório agora assinado renovar-se-á automaticamente até que as partes assinem um acordo de longo prazo.

A linha do Sena é a única via ferroviária a ligar a região de Moatize ao porto da Beira. Nela operam já a Vale e a Rio Tinto. Mas a circulação está interrompida na sequência de quatro descarrilamentos ocorridos desde o início do ano.

A capacidade actual da linha do Sena ronda os 6,5 milhões de toneladas/ano.

Comments are closed.