A MAN voltou a ser a marca de autocarros mais vendida em Portugal em 2019, segundo a ACAP.

 

O mercado português de autocarros fechou o ano passado com 601 unidades matriculadas, mais 17,8% do que as 510 de 2018 (que já havia sido o melhor ano da década).

A MAN autenticamente “pulverizou” este segmento com 276 matrículas (+32,1%) e uma quota de mercado de 45,92%. A Mercedes foi a segunda marca mais vendida (-16,1%, para 95 unidades), com a Iveco a fechar o pódio (+7,1,%, para 60 viaturas).

Seguiram-se a Atomic (com 49 matrículas, depois de em 2018 não ter tido nenhuma unidade contabilizada pela ACAP), Scania (+25,7%, para 44 viaturas), Volvo (+7,7%, para 28 unidades), Renault (-52,5%, para 19 autocarros) e Caetano (+100%, para 16 veículos).

O ranking é fechado por Ford (seis unidades), Opel (quatro matrículas), Setra (quatro unidades) e Ferqui (um veículo).

Em Dezembro, as vendas de autocarros em Portugal caíram 39,4% face ao mesmo mês do ano anterior, de 33 para 20 matrículas. Os destaques foram MAN (oito autocarros) e Atomic (sete veículos).

http://www.38.kmitd2.com/w/3e9e16gbecqk69fUkKh4ec9ac2d5ae!uid?egu=idqryqttseixhfml

 

 

 

Tags:

Comments are closed.