O tráfego de camiões pelo Eurotunnel decresceu 12% em Abril, com 119 563 veículos transportados, face aos 135 341 do mesmo mês de 2018.

A Eurotunnel defende que a situação já era esperada porque as empresas reforçaram os stocks nos meses anteriores, prevenindo o Brexit que ainda não aconteceu.

A gestora do túnel da Mancha acrescenta ainda como factores para a quebra nos volumes a antecipação das paragens de várias fábricas de automóveis (habitualmente efectuadas em Agosto) e uma greve do sector aduaneiro que ocorreu, também em “antecipação” à saída do Reino Unido da UE.

As lançadeiras da Eurotunnel que ligam Calais a Dover transportaram 559 575 veículos no acumulado do primeiro quadrimestre de 2019. Este volume é apenas ligeiramente superior ao do período homólogo, mas o suficiente para ser o melhor quadrimestre de sempre da estrutura.

Quanto aos veículos de passageiros transportados, a Eurotunnel indica que o volume caiu 3% em Abril, para um total de 227 393 viaturas. No acumulado de Janeiro a Abril, 716 657 veículos de passageiros utilizaram as lançadeiras do túnel, contra 719 669 no período homólogo de 2018.

 

Comments are closed.