Com a Mercitalia, o operador público Ferrovie dello Stato Italiane (FS) pretende aumentar a quota do transporte ferroviário de mercadorias em Itália, dos actuais 13% para 50% até 2030, e crescer no transporte internacional.

Mercitalia

Os objectivos foram anunciados no lançamento da nova companhia, que passa a integrar toda a actividade de mercadorias e logística da FS.

O presidente do grupo italiano, Gioia Ghezzi, prevê que as receitas do transporte de mercadorias na FS dupliquem, dos mil milhões de euros actuais para 2100 milhões em 2026.

O CEO da FS, Renato Mazzoncini, salienta que a criação da Mercitalia é um elemento-chave do plano estratégico a dez anos apresentado pelo grupo em Setembro último. Este plano prevê um investimento de mil milhões de euros em locomotivas e material circulante, de 300 milhões de euros em terminais e de outros 100 milhões de euros em terminais intermodais.

Além de crescer em Itália, a nova companhia aposta no transporte internacional de mercadorias, concentrando recursos nos principais corredores europeus através do relançamento da marca TX Logistik.

Os comentários estão encerrados.