A MSC e o porto de San Pedro, na Costa do Marfim, assinaram um contrato de concessão de 35 anos para a expansão do San Pedro Container Terminal (TCSP).

Porto San Pedro - Costa do Marfim

O investimento inicial ascenderá a mais de 500 milhões de dólares (448 milhões de euros), com a MSC a suportar cerca de um terço daquele montante. O projecto permitirá ao porto africano receber navios com capacidade até 14 000 TEU.

“O Porto de San Pedro tornar-se-á um dos mais competitivos hubs de transhipment na região, das sub-regiões e da costa da África Ocidental”, indicou a MSC em um comunicado.

“A assinatura deste acordo fortalecerá ainda mais os fortes laços entre a MSC e o governo da Costa do Marfim. Também confirma o nosso compromisso de longo prazo para contribuir com os esforços nacionais para apoiar a crescente posição do país na cena internacional”, salientou o presidente e CEO da MSC, Diego Aponte.

O porto de San Pedro é o segundo da Costa do Marfim. O primeiro é Abidjan.

 

 

Os comentários estão encerrados.