A Noatum Ports alienou à MSC os 45% que detinha no terminal de contentores OPCSA Las Palmas. A companhia helvética passa, assim, a deter, através da TIL, 100% da infra-estrutura.

Las Palmas - Terminal OPCSA

O valor do negócio terá rondado os 40 milhões de euros, de acordo com informações avançadas pelos media locais.

A MSC já tinha expressado o desejo de reforçar a posição no terminal de Las Palmas, em linha com a sua intenção de transformá-lo no hub principal para os tráfegos Norte-Sul.

Em Setembro passado, a autoridade portuária de Las Palmas deu o seu aval ao projecto de ampliação do terminal em cerca de 100 mil metros quadrados, até aos 440 mil metros quadrados.

A participação na OPCSA Las Palmas foi a única a ficar de fora do negócio de venda de 51% da Noatum Ports à Cosco Shipping Ports, anunciado em Junho último. A transacção incluiu os terminais de contentores da Noatum nos portos de Valência e Bilbau e ainda os portos secos/terminais rodo-ferroviários de Coslada, em Madrid, e de Saragoça.

 

Comments are closed.