A MSC baptizou o segundo navio de 19 224 TEU nos estaleiros da DSME (Coreia do Sul). O MSC Oliver juntou-se, assim, dois meses depois, ao gémeo MSC Oscar como os dois maiores porta-contentores do mundo na actualidade.

MSC Oscar

Até ao final do ano, a MSC espera receber mais quatro navios iguais, da  denominada “Olympic Series”. Até ao final de 2016, a companhia terá a operar um total de 20 navios de +19 000 TEU.

O MSC Oliver vai operar no Albatross Service, que liga a Ásia à Europa.

“O MSC Oscar e o MSC Oliver são navios da mesma classe: não só podem transportar mais contentores [mais 35%], como são mais ecológicos [menos 35% de emissões] e eficientes em termos de consumo de combustível do que qualquer outro navio porta-contentores que operamos”, afirmou o presidente executivo da MSC, Pierfrancesco Vago, citado pelo comunicado de imprensa divulgado a propósito.

Comments are closed.