A MSC destronou a Maersk Line da liderança do ranking mundial do transporte marítimo de contentores, no final do primeiro trimestre, de acordo com os dados coligidos pela Datamyne e publicados no American Journal of Transportation.

MSC Lisbon

No primeiro trimestre de 2015, a MSC transportou 507 932 TEU, mais 13,61% que no período homólogo de 2014, ao passo que a Maersk Line se ficou pelos 430 158 TEU movimentados (menos 9,15% em termos homólogos).

A Maersk Line era o líder crónico de mercado. No primeiro trimestre de 2014 transportou 473 486 TEU, contra 447 073 da MSC.

No terceiro lugar do ranking manteve-se a Evergreen, com 362 505 TEU transportados (mais 14,75% em termos homólogos).

Nos restantes lugares do “top 10” classificaram-se, ainda de acordo com a Datamyne, a CMA CGM (336 821 TEU, mais 17,97%), a Hapag-Lloyd, que se fundiu com a CSAV (277 427 TEU, mais 1,25%), a Hanjin Shipping (273 833 TEU, mais 3,16%), a Cosco (252 77 TEU, uma subida de 20,25%), a APL (234 750 TEU, menos 21,84%), a K Line (202 636 TEU, mais 16,93%) e a Yang Ming (183 421 TEU, mais 18,41%).

Com estes resultados, a MSC detinha, no final do terceiro trimestre, uma quota de mercado de 10,98%, contra 9,3% da Maersk Line, 7,83% da Evergreen, 7,28% da CMA CGM e 6% da Hapag-Lloyd.

Este ranking é diverso do tradicionalmente referido nas notícias sobre o sector, que se atém apenas à capacidade de transporte. Aí a Maersk Line lidera, seguida da MSC e da CMA CGM.

 

 

Comments are closed.