A MSC e o Porto de Valência estão a desenvolver um projecto-piloto de Internet das Coisas (IoT) para aumentar a produtividade operacional.

MSC implementa tecnologia IoT da Traxxens em Valência

O projecto envolve também a tecnológica Traxxens, que para o efeito instalou dispositivos de IoT nos camiões da MSC Spain e um gateway no terminal de contentores do armador em Valência.

A experiência arrancou já em Setembro, mas só agora foi comunicada. Com recurso à IoT, quer a autoridade portuária, quer a MSC podem acompanhar em tempo real o tráfego dos camiões e contentores e prever a sua chegada ao porto e ao terminal, com isso reduzindo os congestionamentos e agilizando a movimentação das cargas.

Ainda no âmbito do projecto, a Traxxens disponibilizará a sua plataforma de análise de Big Data, a TraxxensHub, para reporte à autoridade portuária.

Comentando a iniciativa, Jacques Delort, da Traxxens, sublinhou que “o piloto no porto de Valência é uma das primeiras aplicações de um sistema de IoT em ambiente portuário” e, por isso”, estamos ansiosos pelos resultados”.

Já do lado da MSC Spain, Jaime Lopez lembrou que “já utilizámos os sistemas de IoT da Traxxens para seguirmos os nossos contentores, e acreditamos que a solução pode mesmo ajudar as autoridades portuárias a melhorarem as operações. Isto pode trazer benefícios para todas as partes”.

 

 

Tags:

Comments are closed.