A Noruega vai financiar a compra de equipamentos de retrofit de navios (como filtros de gases de escape, sistemas de tratamento de água de lastro e novos sistemas de revestimento) noruegueses por armadores internacionais.

Navios - Poluição

A Export Credit Norway poderá financiar até 85% do valor do contrato. Os componentes locais têm de representar pelo menos 30% do valor dos contratos efectuados pelos armadores internacionais com fornecedores noruegueses.

O prazo para o pagamento dos financiamentos será de cinco a 8,5 anos.

“As verbas são escassas e o acesso a capitais a preços razoáveis ​​é um desafio para muitos operadores das indústrias navais e marítimas internacionais no presente. Por isso, o financiamento atractivo de equipamento de retrofit poderá tornar o investimento menos exigente para muitos armadores”, refere, citado pela assessoria de imprensa, Olav Einar Rygg, director de crédito da Export Credit Norway com a responsabilidade dos sectores marítimos.

Estudos indicam que até 60 mil embarcações em todo o mundo terão de modernizar os sistemas de filtros de gases de escape até 2020 e os sistemas de tratamento de água de lastro até 2021, para cumprirem com as regras da IMO.

 

 

 

Comments are closed.