A nova ligação entre Port Said e o canal do Suez, que facilitará o acesso dos navios ao porto e à via navegável, deverá estar concluída em Junho do próximo ano.

East-Port-Said-Channel-to-Be-Ready-by-the-End-of-2016-320x153

Em  causa está a construção de um canal com 9,5 quilómetros de extensão, fundos de -17 metros e 250 metros de largura, que permitirá o acesso directo dos navios ao canal do Suez ou ao East Port Said, reduzindo drasticamente os tempos de espera dos navios, que actualmente ali perdem entre sete e dez horas em cada viagem.

Com a construção deste novo canal paralelo, deixará de ser necessário conciliar o tráfego com origem/destino em Port Said com a passagem dos comboios de navios que cruzam o canal do Suez.

Ao mesmo tempo, a Autoridade do Canal do Suez e a APM Terminals vão investir conjuntamente no upgrade de Port Said, nomeadamente com o aumento dos fundos para -20 metros e o reforço do terminal de contentores, que deverá atingir os 12 milhões de TEU em 2020.

O projecto terá um custo de 60 milhões de dólares (56,5 milhões de euros). Os trabalhos de dragagem custar 36 milhões de dólares (33,9 milhões de euros), dos quais 7,5 milhões de dólares (sete milhões de euros) serão financiados pelo Suez Canal Container Terminal, detido a 55% pela APM Terminals.

A construção deste canal foi anunciada em Julho passado, aquando da inauguração da primeira ampliação do canal do Suez, num investimento de oito mil milhões de dólares.

 

Comments are closed.