A construção da nova Linha de Évora, parte do Corredor Internacional Sul, pode começar amanhã. São os primeiros 20 quilómetros de linha nova.

A empreitada foi hoje consignada. Em causa está a construção do troço Freixo/Alandroal, do Corredor Internacional Sul, que vai ligar o porto de Sines à fronteira do Caia (Elvas). Se tudo correr pelo melhor, a montagem do estaleiro arrancará já amanhã.

O contrato para a construção, no valor de 74,7 milhões de euros, foi assinado em Abril passado com a Mota-Engil, Engenharia e Construção, S.A.. O troço Freixo/Alandroal, com uma extensão de 20,5 quilómetros, é o primeiro a entrar em obra dos três que compõem o novo percurso da Linha de Évora: Évora Norte/Freixo, Freixo/Alandroal e Alandroal/Linha do Leste.

“O novo troço da Linha de Évora, constituído pelos troços Évora Norte/Freixo, Freixo/Alandroal e Alandroal/Linha do Leste, terá uma extensão total de cerca de 100 quilómetros, 80 dos quais de construção nova, em via única eletrificada (25 kV-50 Hz) sobre plataforma para via dupla, balastrada com carril UIC60 e travessa de betão polivalente (preparada para receber a bitola europeia)”, divulgou, em tempo, a Infraestruturas de Portugal.

As obras são co-financiadas em 40-50% pela União Europeia, através do programa Connecting Europe Facility (CEF),

This article has 1 comment

  1. Os atrasos de Costa são em média de 4 anos é o que aconteceu com aconteceu a esta obra ainda por cima esqueceram os passageiros pelo que arrancará para mercadorias de Elvas para Sines e o futuro como sempre a Deus pertence para levar passageiros de Madrid a Lisboa