A criação da ONE (Ocean Network Express) deverá gerar uma redução de custos de 440 milhões de dólares no primeiro exercício fiscal. Nos três anos seguintes, as poupanças anuais poderão mais do que duplicar.

ONE

A ONE, que resulta da fusão dos negócios de transporte de contentores da NYK, K Line e MOL, iniciará as operações em Abril do próximo ano, com uma capacidade de 1,44 milhões de TEU, que fará dela a sexta maior companhia do As divisões de transporte marítimo de contentores da K Line, MOL e NYK, que irão, em Abril próximo, fundir-se na Ocean Network Express (ONE), voltaram a números positivos no segundo trimestre do ano fiscal japonês.A NYK, que detém a maior frota das três companhias envolvidas, detém 38% da ONE, enquanto a K Line e a MOL controlam 31% cada.

A ONE foi criada em Maio deste ano, na sequência da vaga de fusões e aquisições que acelerou a consolidação do sector.

As divisões de transporte marítimo de contentores da NYK, K Line e MOL voltaram a números positivos no segundo trimestre do ano fiscal japonês.

» K Line, MOL e NYK voltam aos lucros antes da fusão

» K Line, NYK e MOL são agora ONE

Comments are closed.