Desde ontem, o terminal Multiusos – Zona 2 de Setúbal é o porto de escala dos serviços AGAX e CISS da OPDR, por troca com Lisboa.

Opdr-Lisboa-873695

A companhia não explicita as razões que motivam o desvio dos serviços para Setúbal. Sublinha apenas o facto de o terminal operado pela Sadoport ser especializado no short sea e deter ligações rodo-ferroviárias que permitem a penetração até Espanha.

Em Setúbal, as escalas do AGAX (Argan Express) acontecerão às segundas-feiras, no sentido northbound, e às quartas-feiras, no sentido southound. O serviço, semanal, operado com três navios de 300 TEU de capacidade, liga Agadir, Cadiz, Huelva, Setúbal, Tilbury, Roterdão, Leixões, Setúbal, Sevilha, Las Palmas e regresso a Agadir.

No caso do CISS (Canárias / Península Ibérica / Casablanca), com a mesma oferta de capacidade, as escalas no Multiusos II coincidem às quaertas-feiras em ambos os sentidos. A rotação completa regular é a seguinte: Hamburgo, Roterdão, Tenerife, Las Palmas, Casablanca, Cartagena, Setúbal, Tenerife, Las Palmas, Casablanca, Cartagena, Setúbal, Tilbury, Roterdão e regresso a Hamburgo. A casa 15 dias acontecem escalas também no Caniçal, Melila e Gibraltar.

Já os serviços PANG (Portugal e Norte de Espanha) e GAPC (Norte de Espanha, Portugal, Casablanca) continuarão a escalar Lisboa, como até aqui. Inalteradas permanecem as escalas da companhia alemã em Leixões.

Com mais estes dois serviços regulares, a movimentação de contentores em Setúbal ganha um novo fôlego e aumenta a massa crítica, fundamental para realizar economias de escala e, logo, atrair novas linhas.

This article has 1 comment

  1. A nota a área portuária de Lisboa vai a perdia o trafico de contentores em Lisboa para a Setúbal/Sines, os armadores estão de operar em Lisboa com as suas mentiras de seu futuro portuário e não tem o futuro para os contentores.