A Opel revelou a terceira geração da Vívaro. As encomendas arrancam no segundo trimestre de 2019.

O furgão pode ter carroçaria fechada Cargo, mista até seis lugares Crew Cab, chassis-cabina e Combi de passageiros. Pela primeira vez, o modelo tem a oferta de três comprimentos, ao invés de apenas dois: 4,6 metros, 4,95 metros e 5,3 metros. A altura é de 1,9 metros.

Com capacidade de até 6,6 metros cúbicos, o novo Vívaro da Opel consegue transportar até 1 400 kg de carga, o que é 200 kg superior ao modelo ainda em comercialização.

O acesso ao compartimento de carga é garantido por portas laterais e traseiras. Pela primeira vez na Vívaro, as portas laterais de correr podem ter comando eléctrico com abertura automática, recorrendo a sensores de pé. O novo Vívaro consegue transportar objectos longos até 4,02 metros utilizando a abertura FlexCargo sob o banco do passageiro da frente.

Referência à capacidade de reboque, que aumenta 500 kg, para um total de 2 500 kg.

A marca não revelou informações sobre as motorizações disponíveis. O que já se sabe é que o leque de motores será alargado em 2020 com a chegada de uma variante eléctrica. Esta versão iniciará a electrificação da gama de veículos comerciais ligeiros da Opel.

Registe-se que no futuro caberá à marca alemã a responsabilidade do desenvolvimento à escala mundial dos veículos comerciais para todo o Grupo PSA.

Desde a primeira geração, lançada em 2001, o Opel Vívaro alcançou um milhão de unidades produzidas.

 

 

Comments are closed.