Anunciada em Abril, concretizou-se agora a venda dos 50% que o grupo Orey ainda detinha na espanhola Agemasa. A compradora foi a Marmedsa.

A conclusão do negócio estava apenas dependente da aprovação pela autoridade portuária de Bilbau e outros formalismos legais. A venda dos 50% representou um encaixe bruto de 4,15 milhões de euros para o grupo português.

A Agemasa detém as concessões de dois terminais de carga geral em Bilbau. No primeiro trimestre movimentou 161 mil toneladas (mais 6% em termos homólogos) e realizou um volume de negócios de 2,47 milhões de euros (mais 37%), tendo igualmente melhorado em 72% o EBITDA para 49 mil euros negativos.

Há uns anos, a compra da Agemasa foi apresentada pelo grupo Orey como o primeiro passo de uma estratégia que visava a presença nos principais portos espanhóis. Em Abril passado, quando do anúncio do negócio agora concretizado, Duarte d’ Orey afirmou, em comunicado, que “esta venda permite criar liquidez para passar de uma operação regional em Espanha, com actividades no porto de Bilbau, para uma possível operação nacional”.

No imediato, e com a saída da Agemasa, a actividade do grupo Orey na área dos transportes em Espanha fica resumida à área dos trânsitos, através da Orey Shipping SL. No primeiro trimestre, essa actividade terá representado um volume de vendas de cerca de 500 mil euros, sensivelmente o mesmo que o realizado entre Janeiro e Março de 2010.

Comments are closed.