O Parlamento grego deu luz verde à privatização do porto de Salónica. O acordo para a venda de 67% do capital do segundo maior porto da Grécia foi fechado em Dezembro e foi, agora, ratificado.

O consórcio vencedor, o South Europe Gateway Thessaloniki Limited, composto por Deutsche Invest Equity Partners, Belterra Investments e Terminal Link SAS, vai pagar 231,9 milhões de euros e assumirá a gestão do porto.

O valor total do negócio é de 1,1 mil milhões de euros e inclui investimentos obrigatórios no valor de 180 milhões de euros nos próximos sete anos, bem como as receitas esperadas do contrato de concessão até 2051. O montante total inclui ainda os dividendos que o Fundo de Desenvolvimento de Activos da República Helénica (HRADF na sigla inglesa) receberá.

A privatização do porto de Salónica vem no seguimento da venda de 51% do porto do Pireu, o maior da Grécia, à chinesa Cosco por 280,5 milhões de euros. A privatização dos dois portos foi uma das principais condições do plano de resgate ao país.

» CMA CGM ganha concessão do porto de Salónica

 

 

Comments are closed.