O parque logístico e de contentores da Medway na ZIL de Sines deverá começar a ser construído dentro de dois meses e estar operacional no final do ano.

Nas novas instalações, a Medway oferecerá às empresas instaladas nas proximidades serviços logísticos” relacionados “com a manipulação e preparação de cargas muito viradas para os contentores”, adiantou o presidente da empresa à “Lusa”.

“Estamos a falar de preparação de cargas, sobretudo, para a exportação, incluindo a recolha de mercadorias, e, no caso da importação, a sua distribuição com o objectivo de reforçar a presença da Medway em Sines”, sublinhou Carlos Vasconcelos.

“Identificámos que na zona não havia este tipo de oferta nas indústrias que estão localizadas no complexo industrial de Sines, como a Galp e outras, que têm necessidade de alguns serviços logísticos que nos propomos prestar”, acrescentou.

Além desses, serão disponibilizados serviços associados, como a lavagem e reparação de contentores.

O novo parque ocupará uma área de mais de 30 mil metros quadrados, contratada com a aicep Global Parques por um período de 20 anos,

O local situa-se junto à linha ferroviária, pelo que, no futuro, “eventualmente, possamos fazer a linha entrar de maneira a levar os contentores para o porto de Sines, através de comboio em alternativa aos camiões”, adiantou  uma fonte da Medway.

As obras de construção do novo parque deverão começar dentro de dois meses e, “por se tratar de uma obra simples, esperamos estar a funcionar antes do final do ano para reforçar a nossa operação em Sines”, referiu a mesma fonte.

O investimento previsto é de um milhão de euros. Quando a laborar, o parque deverá implicar a criação de 10 a 15 postos de trabalho.

Tags:

Leave a comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*