O empreendimento “Portas do Mar” é o único candidato português ao galardão da ESPO que distingue os exemplos de boa integração dos portos com a envolvente.

O empreendimento do porto de Ponta Delgada, nos Açores, é uma das 14 candidaturas aprovadas pela Organização Europeia de Portos Marítimos (ESPO), a par de outras apresentadas por Antuérpia, Marselha, Hamburgo, Veneza, Amesterdão ou Gdynia, para citar alguns exemplos.

Esta será a segunda edição do ESPO Award on the Societal Integration of Ports. A primeira realizou-se no ano passado e foi ganha pelo porto de Gijon. Os portos de Génova e de Ghent receberam menções honrosas.

O complexo “Portas do Mar”, que recentemente serviu de palco à eleição das Maravilhas Naturais de Portugal, integra um terminal marítimo de cruzeiros para navios de até 250 metros e um cais para ferries inter-ilhas de até 120 metros.

Localizado junto à antiga marina de Ponta Delgada, o “Portas do Mar” disponibiliza ainda uma marina para 440 embarcações, uma piscina, uma pavilhão de exposições, um anfiteatro, galerias comerciais, estacionamento subterrâneo e zona de passeio marítimo.

A candidatura foi apresentada pela Portos das Ilhas de São Miguel e Santa Maria.

O vencedor da edição de 2010 do ESPO Award será anunciado no próximo dia 9 de Novembro, em Bruxelas.

Os comentários estão encerrados.