A LeasePlan Portugal arrancou com o processo de entrega de mais de 250 veículos “verdes” ao município do Porto. Destes 150 irão para própria Câmara Municipal, sendo os restantes divididos entre várias empresas municipais.

O Porto foi, segundo a autarquia e a gestora de frotas, o primeiro município a alterar a sua frota para veículos eléctricos e híbridos. “Apenas nos segmentos onde ainda não existe uma alternativa ‘verde’, mantiveram veículos a combustão”, de acordo com o comunicado conjunto. Os veículos onde ainda não há oferta electrificada são, de acordo com as partes, os chassis cabine, as pick-up e os furgões de grandes dimensões.

“O município do Porto quer liderar pelo exemplo e a descarbonização da sua frota automóvel constituiu um enorme desafio dada a dimensão e complexidade. Estamos conscientes que este passo representa um enorme contributo para a redução da pegada carbónica do Município, com uma redução substancial do consumo de combustíveis fósseis”, refere, citado no comunicado conjunto, o vice-presidente da Câmara Municipal do Porto e vereador com o pelouro da Inovação e Ambiente, Filipe Araújo.

“Este projecto faz parte de uma estratégia que pretende colocar a sustentabilidade como pilar transversal do desenvolvimento do Porto”, destaca o autarca.

 

Deixar um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*