Mais de 50 anos volvidos, o porto de Bissau, capital da Guiné-Bissau, vai voltar a ser dragado. Os trabalhos arrancarão ainda este ano ou no próximo.

BAD financia dragagem do porto de Bissau

 

Os trabalhos de dragagem do porto de Bissau serão financiados pelo Banco Africano para o Desenvolvimento (BAD), que para o efeito já desbloqueou um empréstimo de 15 mil milhões de francos CFA (cerca de 22 milhões de euros).

O ministro dos Transportes e Comunicações da Guiné-Bissau, Serifo Djaquite, que deu a notícia, acrescentou que no quadro deste projecto, serão igualmente realizados trabalhos de colocação de sinalização marítima na zona portuária para facilitar a atracagem de navios de maior porte.

O concurso para a selecção das empresas que serão encarregues de executar as obras deverá ser lançado a curto prazo.

A última dragagem do porto de Bissau ocorreu em 1960, em plena época colonial.

 

Os comentários estão encerrados.