A Peel Ports, proprietária do porto de Liverpool, estará interessada na compra do Thamesport, situado no Sudeste de Inglaterra, à Hutchinson, confirmou o CEO da companhia, Mark Whitworth, em declarações ao “Lloyd’s List”.

Thamesport

Whitworth salientou que ainda não houve um contacto formal, mas que a Hutchinson, que também é proprietária do porto de Felixstowe, está a par do interesse da Peel Ports.

O porto de Thamesport tem o futuro em risco depois de ter perdido, nos tempos mais recentes, alguns dos clientes mais importantes. Recentemente a MacAndrews trocou Thamesport por Tilbury, enquanto a Evergreen já o tinha trocado por Felixstowe, em 2013.

O porto de Thamesport fica próximo do porto de Sheerness, no rio Medway, propriedade da Peel Ports. Sheerness, que movimenta veículos, produtos florestais, contentores e carga geral, tem planos de crescimento ambiciosos. A Pell Ports é a autoridade portuária legal do rio Medway, que cobre Thamesport e Sheerness.

A Hutchinson é proprietária do porto de Thamesport desde 1998. Aberto desde 1990, este porto, localizado na ilha de Grain, a cerca de 55 quilómetros a Leste de Londres, já foi considerado um dos mais avançados do mundo em termos de tecnologia.

Comments are closed.