O Porto de Sines vai investir cerca de 100 milhões de euros, em paralelo aos investimentos de mais de mil milhões de euros de privados previstos para os terminais de contentores.

 

O  investimento mais significativo, de cerca de 75 milhões de euros, será realizado pela administração portuária de Sines no prolongamento do Molhe Leste em mais 750 metros.

A informação foi hoje adiantada no âmbito da deslocação da ministra do Mar a Sines para apresentar à comunidade local os investimentos projectados para o Terminal XXI e para o novo terminal Vasco da Gama.

Para acompanhar o esperado aumento do tráfego ferroviário de contentores de/para o hinterland, prevê-se a requalificação do ramal do porto alentejano, num investimento de 8,4 milhões. Já a pensar no tráfego rodoviário, 4,8 milhões de euros serão destinados à construção de um Centro de Despacho de Mercadorias & Pré-Gate Rodoviária.

E porque mais navios deverão aportar a Sines, será adquirida uma nova lancha de pilotos, num valor estimado de 900 mil euros.

Last but not the least, com a instalação de mais equipamentos eléctricos de movimentação de cargas, proceder-se-á ao reforço da rede eléctrica para alta tensão, num investimento de dez milhões de euros.

A capacidade de movimentação de contentores no porto de Sines deverá mais do que triplicar nos próximos anos, com a ampliação do Terminal XXI, a cargo da PSA Sines, avaliada em 547 milhões de euros, e com construção do terminal Vasco da Gama, em que o futuro concessionário deverá investir 642 milhões de euros.

Hoje, em Sines, a ministra Ana Paula Vitorino visitou ainda o VTS, cuja modernização representa cerca de 900 mil euros.

This article has 2 comments

  1. luís pereira

    Costuma dizer-se “MAIS VALE TARDE DO QUE NUNCA”, A MINISTRA DO MAR ANA PAULA VITORINO depois de 4 anos no desgoverno da geringonça, já desconto os anos como sec. estado do josé sócrates, acordou para o nosso Alentejo, aliás todo governo acordou porque de Elvas até Sines é sempre Alentejo,do interior ao litoral, graças a Deus

  2. luís pereira

    A ministra do mar Ana Paula Vitorino acordou depois de 4 anos “MAIS VALE TARDE DO QUE NUNCA” assim como toda desgovernação da geringonça, acordaram para o Alentejo, de Elvas a Sines,do interior ao litoral,graças Deus