O porto de Valência fechou 2018 com um recorde de contentores movimentados, ao passar pela primeira vez a fasquia dos cinco milhões de TEU. Mantém-se, assim, como o maior porto de contentores do Mediterrâneo.

Valência movimentou 5,1 milhões de TEU no ano passado, o que representa uma subida de 5,6% face a 2017.

Os dados da autoridade portuária revelam, além disso, uma tendência de crescimento, dado que Dezembro, com 402 662 TEU movimentados (+8% face ao mês homólogo do ano anterior), registou um recorde absoluto para esse mês.

O porto espanhol continua, assim, a ser o maior porto de contentores do Mediterrâneo, segundo o ranking do Lloyd’s List. O segundo é o porto do Pireu, com 4,9 milhões de TEU e uma ameaça forte a Valência, dados os objectivos ambiciosos da Cosco para a estrutura grega.

O tráfego total de Valência ascendeu a 75,3 milhões de toneladas em 2018, 2,9% mais do que no ano anterior.

A carga geral fraccionada  fechou o ano com um crescimento de 18,21%, atingindo 13,9 milhões de toneladas. Já na carga geral contentorizada houve um incremento de 1,79%, para 56,9 milhões de toneladas.

Nos granéis, os sólidos registaram um aumento de 11,2%, para 2,5 milhões de toneladas, enquanto os líquidos mantiveram a tendência negativa e fecharam o ano com um declínio de 40,21%, com uma movimentação de 1,9 milhões de toneladas.

 

Este artigo tem1 comentário

  1. A MINISTRA DO MAR ANA PAULA VITORINO ainda não sabe que os terminais contentores VALÊNCIA já são 3 vezes maiores do que o T XXI do porto de Sines !? isto porque ao fim de 4 anos !!!! ainda não conseguiu fazer a renegociação das concessão quando os “nuestros hermanos” demoram 4 meses, é muita incompetência e Portugal perde nos portos, aeroportos, na economia, Sines 1.7 e Valência 5.1, que vergonha !

Deixar um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*