Portugal vai aumentar, de mil milhões para 1,5 mil milhões de euros, a linha de crédito de apoio às exportações para Angola, anunciou António Costa aos empresários portugueses, em Luanda.

Portugal reforça apoio às exportações para Angola

 

O primeiro ministro António Costa sublinhou que a ampliação e renovação da linha de crédito às exportações “é um sinal muito importante da vontade dos dois países de continuarem a estreitar as suas relações económicas.”

António Costa, que hoje termina a visita oficial de dois dias, defendeu que, no âmbito da relação entre África e a União Europeia, Portugal e Angola encontram-se em posição privilegiada.

“As relações políticas são essenciais, mas é absolutamente indispensável que o relacionamento humano, com a presença constante de quem aqui trabalha e investe, continue a construir a aprofundar as nossas relação com Angola”, afirmou.

 

Os comentários estão encerrados.