Portugal é o 30.º classificado entre os estados de bandeira com melhor performance, de acordo com a avaliação do Memorando de Entendimento de Paris (Paris MoU, como é conhecido).

Paris MoU divulgou lista dos Port State Control

Nas listas “Branca”, “Cinzenta” e “Negra” agora divulgadas pelo Paris MoU e para vigorarem a partir de 1 de Julho, Portugal mantém a 30.ª posição entre os 40 estados com melhor performance na inspecção dos navios para verificação das suas condições de segurança.

Na comparação com os resultados divulgados no ano passado, Portugal apresenta agora 762 inspecções (582) e 26 detenções (18).

A lista “Branca” é este ano liderada por França, que assim ultrapassou as Ilhas Caimão. A lista conta apenas 40 países (eram 42 no ano passado), destacando-se a saída dos EUA (cai para a lista “Cinzenta”) e as entradas da Coreia do Sul e da Polónia.

O Paris MoU agrega 27 administrações marítimas que cobrem as águas costeiras da Europa e o Atlântico Norte.

» 2017 Performance List Paris MoU

» DGRM evita condenação de Portugal no Tribunal Europeu

Este artigo tem1 comentário

  1. Por culpa única e exclusiva da MINISTRA DO MAR ANA PAULA VITORINO o porto alentejano de Sines deixou de crescer em 2018 enquanto que os portos espanhóis não param de crescer e investir em novos equipamentos, em ampliações de cais, crescimento de TEU, mandem sra embora deste governo porque ela só destrói valor na economia portuguesa por em 3 anos ainda não ter as concessões renovadas é como o ministro de transportes Pedro Marques, ainda não lançou ampliação do aeroporto de Lisboa quando já está esgotado sempre anos atrasado o governo PS !