A portuguesa Doctrans – Transportes Rodoviários de Mercadorias foi condenada a 12 meses de interdição de circulação pela Prefeitura da região Centre Val-de-Loire, avança a media especializada gaulesa.

A pesada sentença será o resultado de um acumular de 32 infracções nos anos de 2012, 2013 e 2014, segundo o portal WK – Transport et Logistique.

Entre as infracções agora sancionadas com a pena de interdição contar-se-ão 16 delitos de cabotagem irregular e 14 delitos de falsificação ou utilização irregular do tacógrafo.

A pena aplicada à transportadora portuguesa é a pena máxima para estas situações. A sentença terá sido proferida no passado dia 6 e os 12 meses de interdição terão começado a ser contados a 28 de Janeiro.

Com sede em Alverca do Ribatejo, a Doctrans – Transportes Rodoviários de Mercadorias, Lda integra o grupo espanhol Primafrio e actua essencialmente no transporte refrigerado.

O TRANSPORTES & NEGÓCIOS tentou obter um comentário da transportadora portuguesa, sem sucesso até à hora da edição.

Comments are closed.