Comprar contentores nunca foi tão barato. A baixa dos preços dos materiais e dos custos da produção, em conjunto com a descida da procura, levou o valor dos contentores para mínimos históricos, com tendência para que desça ainda mais, de acordo com o mais recente “Container Census” da Drewry.

Contentores - fabrico

De acordo com aquele índice, em 2015 o valor médio de um contentor de 20″ novo foi de 1 750 dólares (1 551 euros), tendo chegado ao fim de Dezembro nos 1 450 dólares (1 285 euros), contra 1 900 dólares um ano antes. O valor do fim de Dezembro aproximou-se do mínimo de sempre, registado em 2001-2002.

“A Drewry prevê que o preço possa cair ainda mais até ao fim de 2016, na medida em que se registou uma ligeira descida para 1 300 dólares [1 152 euros] no segundo trimestre”, refere, citado em comunicado, o analista-chefe da Drewry para contentores, Andrew Foxcroft.

Em 2015, o investimento global na substituição de contentores usados por novos foi de 77 mil milhões de dólares (68,2 mil milhões de euros), o valor mais baixo desde 2009. Em 2014, ascendeu a 90 mil milhões de dólares (79,8 mil milhões de euros).

De acordo com o último “Container Census” da Drewry, a frota mundial de contentores ascendia a 37,6 milhões de unidades no fim do ano passado, mais 1,36 milhões, ou 3,8%, do que no final de 2014.

Foi o crescimento mais baixo desde 2009, ano em que a frota até regrediu. A consultora prevê que o crescimento da frota de contentores se mantenha lento, perspectivando uma subida máxima de 4-5% por ano no triénio 2016-2019.

 

Comments are closed.