A PSA International vai construir e operar dois terminais de contentores do porto de King Abdul Aziz, em Dammam, na Arábia Saudita.

A Saudi Global Ports (SGP), subsidiária a 49% da PSA International (os restantes 51% são detidos pelo fundo soberano saudita) assinou com a Saudi Ports Authority (Mawani) o contrato de construção, operação e transferência (BOT) para os dois terminais de contentores do porto King Abdul Aziz.

A PSA International pretende transformar o porto King Abdul Aziz num mega hub de contentores, com uma capacidade de movimentação anual de cerca de 7,5 milhões de TEU. O investimento total estimado no projecto é superior a 2,6 mil milhões de dólares de Singapura (1,6 mil milhões de euros).

“O desenvolvimento da SGP em termos de operações de terminais de contentores em larga escala, eficientes e modernos no porto de Dammam é um elemento importante do objectivo do reino [da Arábia Saudita] de desenvolver a infra-estrutura logística necessária para facilitar e promover a diversificação da economia”, refere o comunicado da PSA International.

O acordo é uma das iniciativas-chave do quadro Saudi Vision 2030, um plano do governo da Arábia Saudita para reduzir a dependência do país do Médio Oriente do petróleo, diversificar a economia e desenvolver sectores de serviços públicos, como saúde, educação, infra-estruturas, recreação e turismo.

“Gostaríamos de agradecer à Mawani e ao reino por confiar de novo na PSA para levar a cabo outro investimento significativo com o novo contrato BOT. A PSA está comprometida com o reino para apoiar a transformação do porto King Abdul Aziz num mega-hub global, com infra-estruturas modernas e robustas, e através do criação de uma forte força de trabalho saudita. Gostaríamos também de agradecer aos nossos parceiros, clientes e partes interessadas pelo seu apoio contínuo, enquanto trabalhamos juntos rumo a uma cadeia de abastecimento global mais eficiente e resiliente”, comentou Tan Chong Meng, CEO do Grupo PSA International.

O porto de Dammam é o mais próximo da capital saudita, Riade.

 

 

This article has 2 comments

  1. A PSA investe também muito no TXXI Sines para recuperar a compettitividade face aos portos do Mediterrâneo espanhois e o de Marrocos Tanger Med que triplicou em 2019

  2. … competitividade …