A Rangel Logistics Solutions é o Operador Logístico Oficial do Comité Olímpico de Portugal. O acordo é válido até às Olimpíadas de Tóquio, em 2020.

No âmbito da parceria hoje anunciada, a Rangel assegurará todas as operações de logística e transporte (e formalidades aduaneiras) dos equipamentos e materiais desportivos das diferentes modalidades que estarão nos Jogos Olímpicos do próximo ano.

No imediato, a Rangel assumirá as mesmas funções para a participação portuguesa nos Jogos Europeus de Minsk, que começam na próxima sexta-feira, dia 21, e se prolongam até dia 30, e onde o Comité Olímpico Português vai ter uma delegação de 99 atletas repartidos por 13 modalidades: atletismo, badminton, canoagem, ciclismo, futebol de praia, ginástica, judo, karaté, luta greco-romana, ténis de mesa, tiro, tiro com arco e tiro com armas de caça.

“É a nossa primeira ‘competição’ oficial com o COP e estamos certos que também nós vamos competir para o ouro. Vamos trabalhar com empenho, sempre com os valores olímpicos subjacentes nas nossas operações, pelo que estamos muito orgulhosos nesta colaboração que representa Portugal no seu mais elevado nível”, comentou a propósito Nuno Rangel, CEO da Rangel Logistic Solutions, citado pela assessoria de imprensa.

“Estamos naturalmente muito satisfeitos por ter sido possível associar ao Comité Olímpico uma operadora de transportes com um capital de conhecimento e de experiência internacionais que são uma garantia para todo o conjunto de operações logísticas que envolvem as missões olímpicas nas diferentes competições internacionais”, comentou, por seu turno, José Manuel Constantino, Presidente do Comité Olímpico de Portugal.

 

Comments are closed.